RPER N.º 29

Policentrismo Funcional: Uma avaliação dos municípios Portugueses

Resumo:

Este artigo tem como objectivo a avaliação do policentrismo funcional dos municípios do continente Português. Para a concretização deste propósito, desenvolveu-se uma análise crítica dos conceitos de policentrismo e de policentrismo funcional cujos pressupostos orientam grande parte das políticas de ordenamento do território, e apresentaram-se as principais metodologias para a sua avaliação. Em seguida, procedeu-se à avaliação do policentrismo em Portugal, recorrendo-se à Social Network Analysis e à Cluster analysis. O estudo efectuado considerou as redes de commuting da função “movimentos pendulares casa-trabalho” e os resultados obtidos sugerem que, de 1991 para 2001, o sistema urbano do continente Português apresenta uma rede de commuting mais densa, menos centralizada, mais dispersa e mais clusterizada.

Palavras-chave: policentrismo; cidades; social network analysis; cluster analysis.

Códigos JEL: R12, L14, C19



Voltar